Meu perfil
BRASIL, Sudeste, Homem, de 26 a 35 anos, Portuguese, Italian, Esportes, Cinema e vídeo, Quadrinhos



Arquivos

Outros links
 A4L no Twitter
 Conexão Fut
 Doentes por Futebol
 El País Brasil
 ESPN Brasil
 FC Inter
 Folha
 Football Squads
 Globo Esporte
 La Gazzetta dello Sport
 Livescore
 Painel FC - Folha
 Terra Internacional
 Tostão
 UEFA
 Who Scored
 Blog - André Kfouri
 Blog - Bastidores FC
 Blog - Olho Tático
 Blog - O mundo é uma bola
 Blog - PVC
 Blog - Seleção
 Blog - Maurício Stycer
 Melhores do Mundo
 John Byrne
 Tumblr - Marvel
 Blog - Roberto Sadovski
 Omelete
 Revista Época - Ivan Martins
 UOL
 Wikipedia
 Bol
 Hotmail




Além das Quatro Linhas! - Um jeito diferente de ver e debater futebol.
 


Lembra desse?!

Aquele lance ou momento que você, por um motivo ou outro, nunca esqueceu.

Sai do gol, Dida!

1996. Ainda goleiro do Cruzeiro, Dida era titular da Seleção Olímpica de Zagallo. E, mesmo naquela época, ele já era questionado por sua deficiência na saída do gol. Todavia, o arqueiro chegou a lucrar com esse defeito.
Às vésperas dos Jogos Olímpicos de Atlanta, o arqueiro e Zagallo protagonizaram um comercial da Volkswagen onde o Velho Lobo enumerava suas qualidades - como seu 1,95 metro - e pedia encarecidamente que este saísse do gol.
A seguir, o goleiro era mostrado dentro de um Gol - o veículo - fazendo o sinal que não sairia de jeito nenhum.
Logo, ouvia-se o bordão: "Sai do Gol, Dida!"

Bom, do carro ele saiu. Agora, na meta ele ainda se complica...

Você conhece alguma história interessante sobre o mundo da bola?
Mande-a para meu e-mail: fbwe@bol.com.br e coloque no assunto: 'Lembra desse?!' e ela pode ser publicada aqui!

NewPress/Getty Images

Dida continua atabalhoado em suas saídas do gol

Escrito por Michel Costa às 13h30
[] [envie esta mensagem
] []





Cai mais um gigante.

Real Madrid 1 X 2 ROMA

A exemplo da partida de terça-feira quando o Arsenal eliminou o Milan em pleno San Siro, ontem foi a vez da Roma fazer história e vencer o Real Madrid pela segunda vez nesta edição do torneio.

A eliminação do gigante espanhol não chega a ser uma surpresa. Mesmo liderando "La Liga", o Real Madrid ainda não havia apresentado futebol suficiente para almejar o título seriamente. Com a provável manutenção de Schuster no cargo, é possível que na próxima temporada vejamos o verdadeiro Madrid em campo. Por enquanto, existe apenas um rascunho de um grande time.

Sei que ainda é cedo, mas com Manchester United, Chelsea, Arsenal e com a classificação do Liverpool engatilhada, a possibilidade do título ficar com um dos britânicos é muito grande. Basta observarmos os outros quatro oponentes para que essa idéia se cristalize ainda mais.
Talvez o Barcelona possa fazer o papel de intruso que coube ao Milan na temporada passada, mas a julgar pelo o que vem apresentando o clube catalão nesta temporada fica difícil acreditar.
A Roma é outra que corre por fora. Se pegar o United de novo, vai ser a hora da desforra.
Schalke 04 e Fenerbahce? Acho que um deles pode chegar à semi-final. Caso o sorteio determine que se enfrentem...

E, antes que alguém me lembre, sim eu só acertei os palpites óbvios: Barcelona, Manchester United e Chelsea.
Quanto mais futebol eu vejo, mais absurda parece ser a idéia de que camisa ganha jogo.

Outros resultados:

CHELSEA 3 X 0 Olympiakos
Porto 1 X 0 SCHALKE 04 (Nos pk's o Schalke venceu por 4 a 1)

Getty Images

Gerrard X Ronaldo: Domínio britânico

Escrito por Michel Costa às 16h39
[] [envie esta mensagem
] []





O futebol às vezes é justo.

Milan 0 X 2 ARSENAL

Sempre escrevi aqui que uma competição composta de partidas eliminatórias como a UEFA Champions League nem sempre é justa. O campeão do maior torneio da Europa nem sempre é o melhor time do continente.
Todavia, logicamente, essa regra não se aplica em todos momentos. A partida de ontem envolvendo Milan e Arsenal foi marcada pela justiça. Classificou-se aquele que foi melhor nos dois confrontos.

Chega a assustar a maturidade do Arsenal. Mesmo com um time recheado de garotos, dominou o Milan durante a maior parte do jogo e, com autoridade, cravou o seu nome nas quartas-de-final.
Enquanto assistia ao confronto, me lembrei de uma equipe que brilhou num passado recente e que, na oportunidade, destronou o próprio 'rossonero' de forma categórica: O Ajax de 95. Resta saber se este jovem Arsenal poderá repetir a façanha dos 'Goldenzonen' naquele ano e ficar com o caneco. Se conseguir, poderá inaugurar um período de ouro no clube. Com a vantagem de ter poderio financeiro suficiente para resistir ao assédio dos gigantes rivais e manter seus jovens astros. Luxo este, que a equipe de Amsterdã não pôde se dar.

Do lado italiano ficou a decepção. Em entrevista logo após a partida, Carlo Ancelotti tentou minimizar o acontecido dizendo que se tratava apenas de uma derrota. Disse ainda que sua relação com a diretoria é muito clara e que não tem a intenção de mudar de clube. Acrescentou que não fica por causa do contrato, mas sim porque há um projeto, um objetivo a ser alcançado. Além disso, considerou a precoce eliminação normal, mas lamentável porque nunca havia acontecido.

Para mim, chega a ser claro que o ciclo do treinador chegou ao fim. Aliás, ele tem se arrastado um pouco. O título da última edição do torneio meio que nublou os fatos.
Outra coisa pouco abordada pela mídia diz respeito a urgente reformulação pela qual o elenco deverá passar. Pela idade avançada de alguns atletas, arrisco dizer que uma reestruturação séria do plantel ultrapassaria a ordem de 100 milhões de euros. E isso é muito. Até para o Milan.
Agora, o objetivo do clube passa a ser a conquista da quarta colocação desta edição da Serie A. Um objetivo modesto, em se tratando do campeão da Europa e mundial.

Outros resultados, com os classificados em maiúsculo:

BARCELONA 1 X 0 Celtic
MANCHESTER UNITED 1 X 0 Lyon
Sevilla 3 X 2 FENERBAHCE. (Nos pk's o Fenerbahce venceu por 3 a 2.)

Foto: http://www.weston.com.sg

Autor do primeiro gol dos 'Gunners', Fábregas atua com a segurança de um veterano.

Escrito por Michel Costa às 11h50
[] [envie esta mensagem
] []





Quem passa?

Nesta semana acontecem as partidas de volta das oitavas-de-final da Uefa Champions League. Tem confronto que parece decidido e outros que são uma total incógnita.
Acompanhe abaixo os meus palpites (com os favoritos em letras maiúsculas) para os quadrifinalistas e não deixe de dar a sua opinião.

Jogos de terça:

MILAN X Arsenal
BARCELONA X Celtic
MANCHESTER UNITED X Lyon
SEVILLA X Fenerbahce

Jogos de quarta:

CHELSEA X Olympiakos
PORTO X Schalke 04
REAL MADRID X Roma


Recentemente, a taça esteve no Brasil


Escrito por Michel Costa às 16h15
[] [envie esta mensagem
] []





Question.

A primeira vez que fizeram uma placa para um gol foi quando Pelé, ainda atleta do Santos, marcou um golaço no Maracanã driblando meio time do Botafogo. Na ocasião, alguns jornalistas que estavam presentes, liderados por Joelmir Beting, decidiram homenagear aquela obra-prima com uma placa de verdade. Inclusive, nasceu desse episódio a expressão "gol de placa".

Responda. A afirmativa acima é VERDADEIRA ou FALSA e por quê.

Dica: Sem dica desta vez. Chega de ser bonzinho (rs).

Anterior:

Qual o nome do jogador retratado abaixo e que clube ele estava defendendo?


Dica: Apesar de ter sido um grande jogador, ele não se deu bem neste clube.

Resposta: O jogador retratado acima é o brasileiro Roberto Dinamite em seus tempos de Barcelona/ESP. Em sua rápida passagem pelo clube catalão, o ídolo vascaíno jogou apenas oito partidas, marcando duas vezes.
Alegando saudades de casa, logo retornou ao Vasco.

Parabéns Cyntia. Mas quero ver acertar esse de hoje.

Escrito por Michel Costa às 14h50
[] [envie esta mensagem
] []





O fundo do poço.

Adriano tem sorte de ser jogador de futebol nos dias de hoje. Teve o seu auge já nesta época onde a técnica vale menos do que a força.
Além disso, em poucos anos de carreira, acumulou fortuna suficiente para deixar o esporte agora a ainda viver como milionário. Se atuasse há 40 anos atrás, corria risco de terminar pobre e abandonado.

Sou administrador e não psicólogo. Assim, gostaria que o estudo dos processos mentais (sentimentos, pensamentos, razão) e do comportamento humano ficasse como quem é de direito.
Mas algumas coisas são tão evidentes que não posso deixar passar em branco.

A primeira é como o homem Adriano ainda não se deu conta do que está enfrentando.
De atacante cobiçado por diversas equipes de ponta do planeta a candidato a reserva do São Paulo, o ex-interista está em queda livre. Do jeito que está, caso volte para a Europa, deverá ser negociado com algum clube de menor expressão.
Sem dúvida, um passo atrás em sua carreira.

A segunda, e talvez mais impressionate, é sua tentativa de transferência de culpa para outros. Mesmo atolado em problemas, prefere criticar a cobertura que a mídia tem dado ao seu caso, ignorando todo o resto. Quem assistiu a sua coletiva no sábado, acaba concordando com a tese de que se trata de um caso perdido. Ou quase.
O fim do poço ainda está um pouquinho abaixo.

Foto: Gazeta Esportiva

Adriano: Mais problema do que solução...

Escrito por Michel Costa às 13h26
[] [envie esta mensagem
] []



 
  [ página principal ] [ ver mensagens anteriores ]